Santo Antônio da Platina / PR33º21º16 de Julho de 2018
Jornal Tribuna do Vale - 12/07/2018

Edição ImpressaEdição 3638

Ler Jornal
S.A.PLATINA

Corpo de Bombeiros está sem ambulâncias para atender 18 municípios da região

Problemas mecânicos nas viaturas e falta de efetivo impossibilitam serviço à população há uma semana; Samu e Econorte auxiliam

Comentar
Compartilhar
13 JUL 2018Por Luiz Guilherme Bannwart20h04
Socorristas do Samu e da Econorte auxiliam trabalho de Corpo de e BombeiroFoto: Imprensa Norte Pioneiro

O Corpo de Bombeiros de Santo Antônio da Platina está há uma semana sem oferecer serviço resgate à população do município e de outras 18 cidades da região, em razão de problemas mecânicos nas duas ambulâncias do quartel. Além disso, a falta de efetivo também compromete o atendimento ao público. A expectativa é de que a situação seja normalizada no início da próxima semana, no entanto, ainda não há data definida para que isso ocorra.

 

De acordo com a tenente Ivna Caroline Dias, que responde interinamente pelo comando do Corpo de Bombeiros de Santo Antônio da Platina no período de licença do tenente Luciano Alberto de Souza Camilo, apesar dos percalços registrados nos últimos dias o atendimento à população não está comprometido. “Infelizmente, as duas ambulâncias do quartel apresentaram problemas mecânicos e precisaram ser baixadas para manutenção. Em relação ao efetivo, ocorreram alguns problemas pontuais que já foram resolvidos. Os atendimentos, no entanto, ocorrem normalmente com apoio dos socorristas do Samu e da Econorte até o restabelecimento de nossos serviços”, assegura a oficial.

 

Conforme apurou a reportagem, uma das duas ambulâncias está com o motor fundido e a outra com problemas na embreagem.

 

ACIDENTE

 

Na manhã desta sexta-feira (13), uma colisão seguida de capotamento envolvendo um carro e uma carreta deixou uma pessoa ferida no km 319 da PR-092, no trecho entre Santo Antônio da Platina e Joaquim Távora.  A ocorrência foi atendida por equipes de resgate do Corpo de Bombeiros a vítimas presas entre ferragens e socorristas do Samu. Maria Aparecida de Oliveira, 71, foi transportada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ao Pronto Socorro de Santo Antônio da Platina, porém, sem risco de morte.     

 

Blogs

Ver Todos os Blogs