Santo Antônio da Platina / PR33º21º19 de Junho de 2018
Jornal Tribuna do Vale - 16/06/2018

Edição ImpressaEdição 3618

Ler Jornal
70 anos

Princesa do Norte investe mais de R$10 milhões em 18 ônibus novos

Os veículos, modernos e bem equipados, começam a rodar nesta sexta-feira, 8; eles são destinados a viagens longas, como Curitiba/Brasília

Comentar
Compartilhar
07 JUN 2018Por Gladys Santoro18h35

A Princesa do Norte completou em janeiro de 2018, 70 anos de fundação. Genuinamente platinense, a empresa de transporte coletivo comemora a data com investimentos de R$ 10.570 milhões com a aquisição de 18 ônibus novos. Os veículos começarão a operar nesta sexta-feira, 8, nas linhas Brasília/Curitiba; Uberlândia/Curitiba; /Araçatuba/Curitiba, de Santo Antônio da Platina para São Paulo, Jacarezinho e Santo Antônio da Platina para Curitiba; Ibaiti para Curitiba e Ibaiti para São Paulo. De Brasília a Curitiba são oferecidos dois horários de segunda a sexta-feira, e de Curitiba a Uberlândia dois horários diários, inclusive aos sábados.

Os novos veículos são equipados com sanitários, sistema de ar condicionado, Wi-Fi, tomadas para carregamento de equipamentos eletrônicos com entrada USB, faróis e lanternas LED, tendo recebido diferentes configurações internas. Todos com chassi Mercedes Bens, sendo seis do modelo RSD com terceiro eixo, carroceria Marcopolo modelo G7 1600 LD, com poltronas Semi leito e, os outros 12 veículos, com carroceria Marcopolo G7 1200, poltronas tipo Executivo.

Segundo o diretor da Princesa do Norte, Antônio Di Lanna, a empresa está presente em cinco estados brasileiros: Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás e Distrito Federal.

“A Princesa do Norte nasceu em Santo Antônio da Platina e todas as nossas conquistas são voltadas à nossa cidade. Empregamos ao todo, 326 funcionários diretos, e uma média de 700 indiretos, por meio de agências terceirizadas, por exemplo”, contou.

Outro número que surpreende é o de quilômetros rodados pela frota composta por 138 ônibus: são 1.250 milhão de quilômetros percorridos por mês não apenas nas linhas estaduais e interestaduais, mas também nas chamadas linhas metropolitanas (circular entre municípios). “São trabalhadores, estudantes, enfim, a população em geral que se beneficia do transporte intermunicipal, com uma tarifa cerca de 50% menor do que a de linhas convencionais”, comentou o diretor salientando que além de percorrer a região dentro do Estado, também atravessa os limites geográficos oferecendo transporte intermunicipal até Ourinhos, já no Estado de São Paulo.

Em todas as operações, a Princesa do Norte atende cerca de 280 mil passageiros por mês e gasta, em média, 400 mil litros de óleo diesel mensalmente. “Queríamos fazer uma demonstração dos novos ônibus pelas ruas de Santo Antônio da Platina, mas desistimos da ideia. Seria muito arriscado colocar um comboio de 18 ônibus no trânsito da cidade. Temos consciência do quanto isso iria atrapalhar o fluxo normal de veículos nas ruas”, disse Di Lanna.

A reportagem da Tribuna do Vale entrou em um dos ônibus novos do modelo Semi-leito. Logo na entrada, ao lado da cabine do motorista, há uma escada com tapete vermelho que leva aos assentos em um andar superior. A vista pode ser considerada panorâmica. As poltronas são confortáveis e o encosto pode ser mais reclinado do que nos ônibus normais.

   

   

 

 

 

Blogs

Ver Todos os Blogs