Santo Antônio da Platina / PR33º21º22 de Agosto de 2017
Jornal Tribuna do Vale - 22/08/2017

Edição ImpressaEdição 3424

Ler Jornal
CLIMA

Volume de chuva em 13 dias já ultrapassou a média histórica do mês

Comentar
Compartilhar
13 JUN 2017Por Da Redação18h24

Historicamente, a estiagem é uma característica do outono,porém há 5 anos, esse comportamento tem sofrido alterações importantes. Os meses de maio e junho têm chovido bem além da média não apenas na região, mas em todo o Paraná. Este mês, por exemplo, de acordo com a unidade da estação meteorológica do Simepar em Cambará, já choveu 85 milímetros e ultrapassou a média da região, que é de 66 mm. No ano passado, na mesma época choveu 78 milímetros, mas em 2012, a chuva bateu o recorde em junho, com 333 milímetros. Em 2013, choveu 130 milímetros. Este ano, o mês de maio também não ficou para trás. Choveu 291 milímetros quando a média era de 80 mm. Em 2016, choveu 177 mm.

A mudança vem sendo monitorada pelo Instituto Emater/Iapar, mas segundo o meteorologista Reinaldo Kneib, o fenômeno ainda não está bem explicado e nem foi batizado. “Estamos estudando essa alteração. Sabemos que a região Sul vem recebendo a umidade do Amazonas, mas ainda não dá para saber se essa é apenas uma situação passageira ou se vai se tornar mais frequente futuramente. O que sempre se espera é que o outono seja uma estação mais seca, com poucas chuvas”, salientou.

Chuva constante e volumosa tem causado transtornos, mas não há ocorrências no Corpo de Bombeiros (Antônio da Platina / Tribuna do Vale)

Outra situação que torna esse período diferente é que no último final de semana as temperaturas, como já era de se esperar, caíram em quase todo o estado, e em alguns locais, chegou a gear, porém, logo em seguida, as chuvas chegaram e as temperaturas voltaram a subir gradativamente.

No final de semana, no Norte Pioneiro, as mínimas chegaram a 4 graus. Ontem, terça-feira, apesar da chuva frequente, a mínima subiu para 10 graus. Hoje, quarta-feira, a previsão é de pancadas de chuvas apenas do período da tarde, com mínima de 10 graus e máxima de 21 graus. Para quinta-feira, não há previsão de chuvas e a temperatura continua em elevação: mínima de 15 graus e máxima de 23 graus. Na sexta-feira e no sábado também não há estimativa de chuvas. As mínimas ficam entre 13 e 15 graus e as máximas entre 23 e 25 graus.

Em Santo Antônio da Platina, as chuvas volumosas e constantes costumam preocupar a população, com as costumeiras enchentes do Ribeirão Boi Pintado em vários pontos da cidade, porém, o Corpo de Bombeiros da cidade informou que até o final da tarde de ontem, não registrou nenhuma ocorrência de enchentes, deslizamentos, quedas de árvores nem destelhamentos.

A Defesa Civil também não emitiu nenhum alerta sobre uma possível elevação do nível de água do Rio Cinzas, que passa na rodovia PR 439, entre Santo Antônio da Platina e Ribeirão do Pinhal. Quando o rio sobre demais, a água chega a transbordar a ponte e interrompe o tráfego de veículos.

Blogs

Ver Todos os Blogs