Santo Antônio da Platina / PR33º21º17 de Novembro de 2018
Jornal Tribuna do Vale - 13/11/2018

Edição ImpressaEdição 3722

Ler Jornal
NORTE PIONEIRO

Regional de Cornélio Procópio já recebeu R$ 2,8 mi para investir na Assistência Social

Comentar
Compartilhar
28 SET 2017Por Da Agência Estadual de Notícias19h01
Assistência Social mantém várias atividades para famílias necessitadasFoto: AEN

O Piso Paranaense de Assistência Social garante o repasse mensal de R$ 6,25 mil aos municípios de até 20 mil habitantes. O recurso da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social auxilia nas atividades dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. Em todo o Estado, 171 municípios já acessaram R$ 27,6 milhões.

Uma das regiões beneficiadas é a de Cornélio Procópio, que já recebeu R$ 2,8 milhões para investir na área. São valores empregados em serviços, programas, benefícios sociais e, também, para ações voltadas às garantias de direitos. De acordo com o chefe do escritório regional de Cornélio Procópio, Vanildo Sotero, os recursos são usados para o acesso dos indivíduos em situação de vulnerabilidade social aos serviços e programas desenvolvidos pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social. “A pessoa tem a oportunidade de participar da reinserção social, diminuindo o índice de problemas de saúde, melhorando a qualidade de vida, aumentando o acesso à cultura e à informação, além da garantia de direitos fundamentais para o melhor desenvolvimento humano”, avalia Sotero.

Ribeirão do Pinhal investe em oficinas no CRAS

Com Piso Paranaense, Ribeirão do Pinhal, com população estimada em 13,5 mil habitantes,  tem a lavoura como base da economia da cidade.  “Hoje, muitas pessoas participam dos serviços de convivência e fortalecimento de vínculos e das oficinas que o Cras do município promove”, avalia o chefe. Em toda a região, 14 municípios já receberam recursos para ampliar o serviço de assistência social local.

FAMÍLIA PARANAENSE – Para complementar as ações na área de assistência social e combater a pobreza, o principal programa do Governo do Estado é o Família Paranaense. Somente na região, foram repassados R$ R$ 4,1 milhões. Por meio do veículo do programa, por exemplo, o Cras consegue fazer uma busca ativa das pessoas idosas, pessoas com deficiência e famílias que se encontram em situação de risco e vulnerabilidade social.

 

Blogs

Ver Todos os Blogs