Santo Antônio da Platina / PR33º21º22 de Maio de 2018
Jornal Tribuna do Vale - 17/05/2018

Edição ImpressaEdição 3600

Ler Jornal

Bandidos sequestram família de gerente do Banco do Brasil e fogem com mais de R$ 200 mil

Estavam com armas longas e permaneceram na casa do bancário até a abertura da agência; mulher e filhas libertadas próximo a Joaquim Távor

Comentar
Compartilhar
08 FEV 2018Por Luiz Guilherme Bannwart10h00

Uma quadrilha fortemente armada (com pistolas e fuzis) manteve a família do gerente do Banco do Brasil de Santo Antônio da Platina refém entre a noite de ontem e a manhã desta quinta-feira (8), e obrigou o bancário a entregar grande quantia em dinheiro da agência para libertar as vítimas.

De acordo com a polícia, ao menos três criminosos permaneceram dentro da casa com família. A quadrilha ordenou ao bancário que ele mantivesse a rotina de trabalho pela manhã, e por meio de contato telefônico o orientou sobre como deveria entregar o dinheiro.

Conforme apurou a reportagem, mais de R$ 200 mil foram entregues à quadrilha no centro de Santo Antônio da Platina.

Os criminosos fugiram em três carros, e libertaram as vítimas (a mulher e duas filhas do bancário) próximo ao município de Joaquim Távora.

De acordo com delegado Tristão Antônio Borborema de Carvalho, titular da 38ª Delegacia Regional de Polícia, o grupo Tático Integrado de Grupos de Repressão (Tigre) irá assumir as investigações por se tratar de crime de extorsão mediante sequestro.

Várias equipes da Polícia Militar 'caçam' os bandidos em toda a região.

Mais informações a qualquer momento.

Blogs

Ver Todos os Blogs