Santo Antônio da Platina / PR33º21º20 de Novembro de 2018
Jornal Tribuna do Vale - 19/11/2018

Edição ImpressaEdição 3723

Ler Jornal

“Sou a única candidatura de oposição viável”, afirma João, à Gazeta do Povo

Comentar
Compartilhar
13 SET 2018Por Ronildo Pimentel19h27

O deputado João Arruda (MDB) reiterou nesta quinta-feira, 13, que é a único candidatura viável que reúne as melhores condições para representar a verdadeira oposição ai atual atual governo. “Sou a única candidatura de oposição viável nessa eleição. Nós vamos governar para as famílias que mais precisam", disse João Arruda na sabatina realizada pelo jornal Gazeta do Povo.

"O nosso governo será para todos”, reforçou. O candidato criticou a gestão de Beto Richa, que tinha como secretário forte Ratinho Júnior e a vice Cida Borghetti, ambos candidatos nesta eleição.

"Esta gestão sempre demonstrou que era voltada apenas para aqueles que faziam parte dos mesmos grupos políticos", ressaltou. “O nosso governo vai dar voz a todos. Não haverá distinção de grupos políticos. Ninguém vai deixar de ser atendido por não ter me apoiado na campanha. Isso é coisa do governo que está aí. O nosso governo será para todos”, adiantou.

João Arruda destacou que seu programa de gestão contempla as demandas de todos os paranaenses. “Nós elaboramos um plano de governo construído com pessoas experientes do nosso grupo. Temos um projeto para o Paraná e que contempla as necessidades das famílias, das crianças, das nossas empresas”. 

Boas iniciativas
Na entrevista, João Arruda afirmou que vai trazer para o seu governo os bons exemplos da gestão do ex-governador Roberto Requião (MDB), principalmente em relação aos projetos sociais. “Programas de saneamento básico, leite das crianças, ações que realmente atendam a população serão recuperadas no nosso governo", disse.

"O governo Requião implantou esses programas que são ótimos exemplos. Mas infelizmente isso deixou de acontecer na gestão do Beto Richa, da Cida e do Ratinho”, frisou. Ele também admitiu retomar bons programas iniciados nas gestões de Jaime Lerner e até do "Richa bom", em referência ao ex-governador José Richa (em memória), pai de Beto Richa, que está preso acusado de chefiar uma organização criminosa dentro do governo.

Questionado sobre sua avaliação do atual governo, João apontou que foi um governo eficiente em corrupção. “A única coisa que eles fizeram com muita eficiência foi roubar. Nisso eles são eficientes”, completou.

Foto legenda (joao na gazeta)
João: "Esta gestão sempre demonstrou que era voltada apenas para aqueles que faziam parte dos mesmos grupos políticos"

A íntegra da entrevista está no link abaixo
https://www.youtube.com/watch?v=t6tf5GSuBLo

 

 

Blogs

Ver Todos os Blogs